Artista Cristiano Mascaro - Cristiano Alckmin Mascaro
Biografia Mascaro, Cristiano (1944)



Cristiano Alckmin Mascaro (Catanduva SP 1944). Fotógrafo e arquiteto. Formado em arquitetura pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, é um dos mais importantes fotógrafos da urbe e da arquitetura da capital paulista, que a documenta sistematicamente há mais de duas décadas. Titula-se mestre em 1986 e doutor em 1995, pela Universidade de São Paulo, onde dirigiu, entre 1974 e 1988, o Laboratório de Recursos Áudio-Visuais. Professor de fotojornalismo da Enfoco Escola de Fotografia, entre 1972 e 1975, e de comunicação visual na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo de Santos, de 1976 a 1986. Inicia a carreira fotográfica na revista Veja em 1968, onde permanece por quatro anos; a partir de 1972, atua de forma independente. Participa da Bienal de Havana, 1986; do Mês Internacional da Fotografia: Retratos Contemporâneos, na Faap, 1995; e da individual Luzes da Cidade, no Masp, 1996; entre outros eventos. Autor dos livros A Cidade, 1979; Cristiano Mascaro, As Melhores Fotos, 1989; Luzes da Cidade, 1996, e São Paulo, 2000. Recebe o Prêmio Internacional de Fotografia Eugène Atget, em Paris, França, 1984; e a Bolsa Vitae de Fotografia, 1989.


Atualizado em 25/02/2005

fonte: Itaú

-------------------------------------------------------------------------------------------------------


Cristiano Mascaro ( Catanduva, SP, 1944). Vive e trabalha em São Paulo.

Na obra fotográfica de Cristiano Mascaro, as cidades são protagonistas. Sua carreira começa com o foto-jornalismo nos anos sessenta, para já na década seguinte se desvincular do uso utilitário e ganhar uma autonomia artística. Foi ali que o interesse profundo do fotógrafo-artista pelas cidades, suas arquiteturas, naturezas e pessoas encontrou as possibilidades de desenvolvimento.

Diferentemente do que imaginamos quando pensamos em fotos de cidade, Mascaro nunca nos entrega o mais óbvio, o clichê. Quando conhecemos a cidade retratada somos pegos de surpresa, ao ver o lugar que nos parecia familiar por um ângulo insuspeito, novo. Na realidade, conhecemos que ele mostra quando retrata, mas a diferença é a capacidade de apreender no plano bidimensional da foto aquilo que nos circunda no caminhar, aquilo que os olhos não captam, mas o corpo assimila ao vivenciar a cidade. Somos como que reenviados a uma sensação, mais do que a uma visão. Mais do que uma imagem, temos aqui verdadeiras experiências de cidades

fonte : Nara Roesler em 09.04.2010


---------------------------------------------------------------------------------------------------------


Cristiano Mascaro

Fotógrafo e arquiteto, Cristiano Mascaro é um dos mais importantes fotógrafos da arquitetura da capital paulista, que a documenta sistematicamente há mais de duas décadas. Titula-se mestre em 1986 e doutor em 1995, pela Universidade de São Paulo, onde dirigiu, entre 1974 e 1988, o Laboratório de Recursos Áudio-Visuais. Professor de fotojornalismo da Enfoco Escola de Fotografia, entre 1972 e 1975, e de comunicação visual na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo de Santos, de 1976 a 1986. Inicia a carreira fotográfica na revista Veja em 1968, onde permanece por quatro anos; a partir de 1972, atua de forma independente. Participa da Bienal de Havana, 1986; do Mês Internacional da Fotografia: Retratos Contemporâneos, na Faap, 1995; e da individual Luzes da Cidade, no Masp, 1996; entre outros eventos. Autor dos livros A Cidade, 1979; Cristiano Mascaro, As Melhores Fotos, 1989; Luzes da Cidade, 1996, e São Paulo, 2000. Recebe o Prêmio Internacional de Fotografia Eugène Atget, em Paris, França, 1984; e a Bolsa Vitae de Fotografia, 1989.

fonte : imafotografia em 09.04.2010


-------------------------------------------------------------------------------------------------------


Cristiano Mascaro
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cristiano Mascaro (Catanduva, 22 de outubro de 1944) é um arquiteto e fotógrafo brasileiro.

É um dos mais importantes fotógrafos da urbe e da arquitetura da capital paulista, que documenta sistematicamente há mais de duas décadas.

Atuou como repórter fotográfico na revista Veja, entre 1968 e 1972.

Mestre em estruturas ambientais urbanas, com a dissertação O Uso da Fotografia na Interpretação do Espaço Urbano(1986) e Doutor (1994), com a tese A Fotografia e a Arquitetura, ambos pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, onde dirigiu o Laboratório de Recursos Audiovisuais entre 1974 e 1988. Foi professor de fotojornalismo da Enfoco Escola de Fotografia (1972-1975) e de comunicação visual na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo de Santos (1976-1986).[1]

Índice
1 Prêmios
2 Referências
3 Mostras individuais
4 Exposições coletivas
5 Livros
6 Ligações externas

Prêmios
Prêmio Eugène Atget do Musée de l'Art Moderne de la Ville de Paris (1985),
Bolsa Vitae de Artes/Fotografia (1989)
Prêmio Abril de Jornalismo (1991)
Prêmio de melhor exposição de fotografia da Associação Paulista de Críticos de Arte (1996).
Referências
↑ Coleção Pirelli / MASP de Fotografia. Autores. Cristiano Mascaro.
Mostras individuais
1974 - Paisagem Urbana, Galeria Enfoco, São Paulo

1976 - Bom Retiro e Luz: um roteiro, Pinacoteca do Estado de São Paulo

1981 - Ninguém Ensina o que Não Sabe, Pinacoteca do Estado de São Paulo

1986 - A Avenida São João, Galeria Fotoptica, São Paulo

1989 - As Melhores Fotos de Cristiano Mascaro, Museu da Imagem e do Som, São Paulo

1991 - As Cidades de São Paulo e do Rio de Janeiro, Galeria Cândido Mendes, Rio de Janeiro

1994 - Brasil: Arquitetura Recente, Deutsches Architektur Museum, Frankfurt

1994 - Casas Brasileiras, Fundação Cultural de Curitiba

1996 - Luzes da Cidade, Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand

1997 - Registros Urbanos, Paço Imperial, Rio de Janeiro

2004 - São Paulo Contemporânea, Instituto Moreira Salles, São Paulo

2006 - Cidades Reveladas, Museu da Casa Brasileira, São Paulo

Exposições coletivas
1971 - 9 Fotógrafos de São Paulo, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo

1979 - Brás: Uma Documentação Fotográfica, Museu da Imagem e do Som, São Paulo

1981 - Fotografie Lateinamerika, von 1860 bis Heute, Kunsthaus, Zurique

1983 - Brazilian Photography, The Photographers Gallery, Londres

1983 - Brésil des Brésiliens, Centre Georges Pompidou, Paris

1984 - Tradição e Ruptura, Fundação Bienal de São Paulo

1986 - 2ª Bienal de la Habana

1988 - 17ª Triennale, Milão

1988 - Brazil Project, PS-1, Institute for Art and Urban Resources, Nova Iorque

1992 - Brasilien: entdeckung und selbstentdeckung, Kunsthaus, Zurique,

1997 - Arte/Cidade 3: A Cidade e suas Histórias, São Paulo

1999 - Brasilianische Fotografie 1946 bis 1998, Kunstmuseum, Wolfsburg

2003 - MAC USP 40 Anos: interfaces contemporâneas, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo

2004 - São Paulo 450 Anos: a imagem e a memória da cidade no acervo do Instituto Moreira Salles, Centro Cultural Fiesp, São Paulo

Livros
A Cidade. Cia. Rhodia do Brasil, São Paulo, 1979
Cristiano Mascaro - As Melhores Fotos/The Best Photos. São Paulo: Sver & Boccato Editores, 1989
Luzes da Cidade. São Paulo: DBA, 1996
Itinerários Culturales en Brasil.em Buenos Aires, 1999 Buenos Aires: Embaixada do Brasil
São Paulo. São Paulo: Editora Senac, 2000
O patrimônio construído. São Paulo: Editora Capivara, 2002
Imagens do Rio Grande do Sul. São Paulo: Instituto Moreira Salles, 2003
Cristiano Mascaro - Coleção Senac de Fotografia, vo. 11. São Paulo: Editora Senac, 2006.
Cidades Reveladas. São Paulo: Bei, 2006.


fonte : wikipédia 09.04.2010
Fonte Itaú Cultural/fotos imafotogaleria
Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.