Logotipo
Atualizado : 10/12/2016 às 13:54:03
Usuários On-Line :  0200
Catálogo das Artes - Menu de navegação
      Detalhamento da Biografia do Artista
<< Voltar
 NOTA : Clique na(s) imagem(ns) para vê-la(s) ampliada(s).

Artista : Massimo Campigli
Algumas Obras do artista...

                             
 
   
 
 
 
           
veja mais...
LINKS COM REFERÊNCIA AO ARTISTA
BIOGRAFIA
 
Campigli, Massimo
Florença, Itália, 1895
Saint-Tropez, França, 1971


Pintor, ilustrador e gravador, trabalha como jornalista em Paris, após a Primeira Guerra Mundial, como correspondente do jornal Corriera della Sera. Autodidata, suas primeiras obras sofrem forte influência da fase neoclássica de Picasso. Encanta-se pela arte do Egito antigo que conhece no Museu do Louvre e em várias mostras etnográficas; essa inclinação pelo arcaico imaginário do mundo mediterrâneo e pelos arquétipos femininos torna-se a marca que o singulariza como pintor.
Sua obra revela uma busca por um alfabeto de signos simplificados, na qual não faz concessões aos movimentos abstracionistas em voga no segundo pós-guerra. Suas pinturas, muitas vezes, parecem afrescos antigos, composições hieráticas sobre superfícies texturizadas. Criando uma atmosfera atemporal, suas obras transmitem serenidade, paz e silêncio. As últimas figuras femininas pintadas por Campligli, nos anos 60, parecem saídas de recintos sagrados, solitários e distantes: a mulher ídolo.
O tempo do sonho é o título da uma grande exposição retrospectiva da obra de Campligli, realizada em fins de 2001, no Museo della Permanente, em Milão. No extenso catálogo publicado na ocasião, ele é citado afirmando: "Eu constantemente tenho a ilusão de uma memória atávica, eu sinto reviver em mim o troglodita, (...) o escravo e o mágico."
Em 1928, participa, pela primeira vez, da Bienal de Veneza e, a partir do ano seguinte, expõe várias vezes com os artistas italianos do grupo do Novecento, que acreditam nos valores da ordem e da tradição. "As minhas mulheres pintadas em 1928 pareciam ânforas redondas e sonoras e, 20 anos depois, eram planas e geométricas".

Gabriela Suzana Wilder/Mac

 
19/02/2007

  LOGIN DE ASSINANTES - Guia de Preços
Clique Aqui
 
  LOGIN DE ANUNCIANTES - Ofertas Especiais
Clique Aqui
 
        Copyright © 2007 Catálogo das Artes