Logotipo
Atualizado : 09/12/2016 às 16:53:38
Usuários On-Line :  0266
Catálogo das Artes - Menu de navegação
      Detalhamento da Biografia do Artista
<< Voltar
 NOTA : Clique na(s) imagem(ns) para vê-la(s) ampliada(s).

Artista : Aldemir Martins
Algumas Obras do artista...

                       
 
 
 
 
                                   
veja mais...
LINKS COM REFERÊNCIA AO ARTISTA
BIOGRAFIA
 
MARTINS, Aldemir

(1922, Ingazeira, CE - 2006, São Paulo, SP)


Na primeira metade dos anos 40, em companhia de Antonio Bandeira, Inimá de Paula e outros, participou da renovação modernista em Fortaleza, no Ceará. Fixou-se em São Paulo em 1946, depois de uma rápida passagem pelo Rio de Janeiro. Participou de numerosos salões de arte, obtendo, no Salão Nacional de Arte Moderna, os prêmios de viagem ao país em 1957 e viagem ao estrangeiro em 1959. Em virtude deste último, residiu em Roma. Participou também da Bienal de São Paulo (1951, 1953, 1955, 1957, 1959, 1961, 1971, 1975, 1979 e 1996, com prêmio de desenho em 1955) e da Bienal de Veneza (prêmio de desenho em 1956). Em 1960, expôs no Museu de Arte Moderna de Salvador, tendo realizado várias outras exposições em Salvador, São Paulo, Rio de Janeiro, Florianópolis, Fortaleza, Porto Alegre e Recife. No exterior, expôs em Nova York e Paris. Em 2000, a galeria virtual do site www.estadao.com.br foi reinaugurada com exposição que reuniu 60 obras de sua autoria; em 2003, o Centro Empresarial de São Paulo inaugurou exposição comemorativa dos seus 80 anos, e em 2005, o MASP organizou uma retrospectiva de sua obra.

Referências: O Brasil por seus artistas (MEC, 1979) e Arte brasileira (Colorama, 1985), de Walmir Ayala; História geral da arte no Brasil (Instituto Walther Moreira Salles/Fundação Djalma Guimarães, 1983), coordenação de Walter Zanini; Linha, cor e forma: Aldemir Martins (Emanoel Araújo/MWM, 1985); 100 obras Itaú (MASP, 1985); Arte/Brasil/Hoje: 50 anos depois (Collectio, 1973) e Entre dois séculos: arte brasileira do século XX na coleção Gilberto Chateaubriand (JB, 1987), de Roberto Pontual; Uma visão da arte no Ceará (Galeria Ignez Fiuza, 1987), de Roberto Galvão; Cronologia das artes plásticas no Rio de Janeiro: 1816-1994 (Topbooks, 1995), de Frederico Morais; Museus Castro Maya (Agir/Banco Boavista, 1994); Coleção Aldo Franco (Pinakotheke, 2000), de Jacob Klintowitz; Aldemir Martins por Aldemir Martins (BestPoint, 2005).

Suas obras se encontram em museus e coleções privadas na França, Suíça, Itália, Alemanha, Polônia, México, Argentina, Uruguai, Peru, Estados Unidos, Chile e Brasil.
Principais exposições individuais
1946 - Sede do Instituto dos Arquitetos de São Paulo.
1960 - Galeria Bonino, RJ.
1961 - Galeria Pogliani, Roma, Itália.
1963 - Galeria Querino, BA.
1965 - Instituto de Arte Contemporânea, Lima, Peru.
1967 - Galeria Astréia, São Paulo.
1969 - Galeria Portinari, Porto Alegre.
1972 - Individual Comemorativa do Cinqüentenário: "Paisagens de Aldemir". A Galeria, São Paulo.
1979 - Inauguração da "Sala Aldemir Martins" no Museu de Arte da Universidade do Ceará.
1987 - Galeria de Arte André, São Paulo.
1991 - Galeria de Arte André, São Paulo.
1995 - Galeria de Arte André, São Paulo.
2000 - Individual de Desenhos "Aldemir Martins na Coleção Cora Pabst". Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Fortaleza, Ceará.
2002 - Nova André Galeria. São Paulo.
2005 - Errol Flynn Galeria de Arte. Belo Horizonte, MG.

Principais exposições coletivas
1942 - II Salão Cearense. Ceará.
1951 - Participa da I Bienal de São Paulo, ganhando o único Prêmio de Desenho Da. Olívia Guedes Penteado, com o desenho "Cangaceiro".
1956 - XXVIII Bienal de Veneza , Itália. Prêmio " Presidente Dei Cosigli dei Ministeri", atribuído ao melhor desenhista internacional
1957 - VI Salão de Arte Moderna Rio de Janeiro.
1960 - Coletiva "Artistas Brasileiros e Americanos", Museu de Arte Moderna de SP.
1966 - Segundo Salão Internacional da Galeria Pilotes de Lausanne, Suiça.
1969 - Coletiva Instituto Cultural Ítalo-Brasileiro, São Paulo.
1971 - III Bienal Internacional do Esporte nas Belas Artes. Barcelona, Espanha.
1975 - XIII Bienal de São Paulo, Sala Brasileira, São Paulo.
1980 - Coletiva "Mostra Circulante", Museu de Arte Moderna de São Paulo.
1988 - Comemoração de 30 anos da Fundação SCAE, Sociedade de Artistas Plásticos de Fortaleza, Ceará.
1996 - Coletiva, "Off Bienal Um", Museu Brasileiro de Escultura, São Paulo.
2001 - Galeria de Arte André, São Paulo.
2002 - I SP Arte, Oca, Parque Ibirapuera, pela Galeria de Arte André. São Paulo.

Principais prêmios e homenagens
1954 - Prêmio Viagem ao Exterior, VIII Salão Nacional de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
1968 - Primeiro Prêmio por Grafia na Bienal Internacional de Veneza de 1946 a 1966
2000 - Prêmio "20 Brasileiros Vencedores do Século XX"
Foi condecorado pelo Governo Brasileiro com a ordem do Rio Branco, em grau de Cavaleiro, uma das mais altas distinções oficiais.
 
Fonte: Catálogo das Artes - 25/02/2008

  LOGIN DE ASSINANTES - Guia de Preços
Clique Aqui
 
  LOGIN DE ANUNCIANTES - Ofertas Especiais
Clique Aqui
 
        Copyright © 2007 Catálogo das Artes