Logotipo
Atualizado : 10/12/2016 às 08:44:18
Usuários On-Line :  0255
Catálogo das Artes - Menu de navegação
      Detalhamento da Biografia do Artista
<< Voltar
 NOTA : Clique na(s) imagem(ns) para vê-la(s) ampliada(s).

Artista : Fukushima - Tikashi Fukushima
Algumas Obras do artista...

                       
 
   
 
 
 
                                   
veja mais...
LINKS COM REFERÊNCIA AO ARTISTA
BIOGRAFIA
 
Biografia

Soma (Fukushima, Hokkaido), Japão, 19/01/1920
São Paulo/SP, Brasil, 14/10/2001
Pintor. Assina TIKASHI (figurativos, início da carreira), T. FUKUSHIMA (até 1960), TIKASHI FUKUSHIMA e FUKUSHIMA.

Tikashi Fukushima (Fukushima Japão 1920 - São Paulo SP 2001). Pintor, gravador. Vem ao Brasil em 1940 e reside, inicialmente, nas cidades de Pompéia e Lins, no interior de São Paulo. Em 1946, transfere-se para o Rio de Janeiro para trabalhar como assistente do pintor Tadashi Kaminagai (1899 - 1982), de quem torna-se aluno. Entre 1947 e 1948, freqüenta aulas, como ouvinte, na Escola Nacional de Belas Artes - Enba. Em 1949, muda-se para São Paulo e monta uma oficina de molduras no Largo Guanabara, no bairro do Paraíso, que passa a ser ponto de encontro dos artistas de tendências afins e que formam, em 1950, o Grupo Guanabara. Nesse período, integra o Grupo Seibi. Entre 1977 e 1990, é presidente da Comissão de Artes Plásticas da Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa. Em 1979, é membro da Comissão de Artes da Fundação Brasil-Japão de Artes Plásticas. Em 2001, a Pinacoteca do Estado de São Paulo - Pesp, exibe uma mostra retrospectiva de sua obra.

Nascimento/Morte

1920 - Fukushima (Japão) - 19 de janeiro

2001 - São Paulo SP - 14 de outubro

Vida Familiar

Pai do pintor, desenhista, gravador e cenógrafo Takashi Fukushima (1950)

Cronologia

Pintor, gravador



ca.1938 - Durante dois anos é desenhista em uma fábrica de aviões em Yokohama, Japão

1940 - Vem ao Brasil a convite de um dos tios e trabalha, inicialmente, com os parentes numa loja de secos e molhados em Pompéia, interior de São Paulo

1942 - Muda-se para Lins, São Paulo

ca.1945 - Vive em São Paulo

1946 - Transfere-se para o Rio de Janeiro para trabalhar como assistente do pintor Tadashi Kaminagai (1899 - 1982), de quem se torna aluno de pintura

1947/1948 - Freqüenta aulas na Escola Nacional de Belas Artes - Enba, como ouvinte

1949 - Muda-se para São Paulo e monta oficina de molduras no Largo Guanabara, no bairro do Paraíso

ca.1949 - Integra o Grupo Seibi

1950 - É um dos fundadores do Grupo Guanabara, nome tomado do largo onde ficava sua casa e oficina, ponto de encontro de artistas como Tomoo Handa (1906 - 1996), Arcangelo Ianelli (1922), Armando Pecorari (1903 - 1979) e Alzira Pecorari (1916)

1970 - Volta ao Japão pela primeira vez, por ocasião da Exposição Mundial de Artes em Osaka, da qual participa. Visita sua região de origem

1972 - Reside durante uma temporada em Maryland, Estados Unidos, onde faz pinturas em um ateliê alugado

1977/1990 - Presidente da Comissão de Artes Plásticas da Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa em São Paulo

1979 - Membro da Comissão de Artes da Fundação Brasil-Japão de Artes Plásticas - M.O.A.

1981 - Realiza painel para o Banco Bozzano Simonsen no Rio de Janeiro e no ano seguinte em São Paulo

1995 - É escolhido presidente do Museu de Arte Nipo-Brasileiro

1997 - Recebe do imperador do Japão a Ordem do Tesouro Sagrado Raios de Ouro

2001 - Recebe o prêmio de melhor retrospectiva do ano da Associção Paulista dos Críticos de Arte - APCA

2001 - Seu filho, Takashi Fukushima, edita um livro sobre sua vida e obra, e organiza uma exposição retrospectiva de sua produção, como objeto de mestrado junto ao curso de pós graduação da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo - FAU/USP

Atualizado em 02/04/2007
 
Fonte: Catalogo das Artes - 15/08/2007

  LOGIN DE ASSINANTES - Guia de Preços
Clique Aqui
 
  LOGIN DE ANUNCIANTES - Ofertas Especiais
Clique Aqui
 
        Copyright © 2007 Catálogo das Artes