Logotipo
Atualizado : 02/12/2016 às 17:01:05
Usuários On-Line :  0105
Catálogo das Artes - Menu de navegação
      Detalhamento da Biografia do Artista
<< Voltar
 NOTA : Clique na(s) imagem(ns) para vê-la(s) ampliada(s).

Artista : Ferdinando Krumholtz
Algumas Obras do artista...

     
 
   
 
 
 
veja mais...
LINKS COM REFERÊNCIA AO ARTISTA
BIOGRAFIA
 
Ferdinando Krumholtz
1810-1878
....


Uma síntese biográfica

Nascido em Hof ou Duorce (atual República Tcheca) e falecido em Berna (Suíça).

Estudou na Academia de Belas Artes de Viena, em Veneza e Roma, radicando-se depois em Paris, de cujos Salons participou entre 1836 e 1845.

Referendado pelo Duque de Nemours, seu protetor, partiu para Lisboa em 1844, tornando-se Pintor da Côrte.

Em 1848 embarcou para o Brasil e se fixou no Rio de Janeiro, onde manteve ateliê a partir de 1849, na Rua do Conde, nº 10, e após 1850 e até 1853, na Rua dos Ourives, nº 13.

Nesse ano retornou à Europa, visitando Londres e Madri e viajando, mais tarde, para a Índia. Em 1876 casou-se em Berna, onde viria a falecer dois anos depois.

Um retratista na
Corte brasileira

Durante sua permanência no Rio de Janeiro Krumholz destacou-se como retratista, além de praticar também a pintura de gênero.

Na Exposição Geral de Belas Artes de 1849, em que estreou entre nós, seu envio valeu-lhe a Ordem Imperial da Rosa, no grau de Cavaleiro; voltaria a expor nos anos seguintes.

Krumholz foi um dos mais importantes retratistas em atividade no Rio de Janeiro em meados do Séc. XIX.

Do seu retrato de Manuel de Araújo Porto-alegre, por exemplo, disse Gonzaga Duque que "é uma dessas obras que, só de per si, dilatam e firmam uma reputação. Estilo de mestre, desenho que pode ser taxado rigoroso ou irrepreensivel, colorido claro e exato, e expressão admirável pela naturalidade, fazem desse retrato obra de inestimável valor".

Sua obra brasileira é compreensivelmente exígua, achando-se no Museu Nacional de Belas-Artes, além do acima citado retrato de Porto-alegre, ainda outros três, entre eles o da Condessa de Iguaçu, e no Museu Imperial de Petrópolis, os retratos de Pedro II e de Teresa Cristina, que lhe são atribuídos.

Artista romântico, senhor de técnica limpida e segura, Krumholz era Cavaleiro da Ordem de Francisco José da Áustria e da Real e Distinta Ordem de Carlos III da Espanha.

Fonte: CD-Rom «500 Anos de Pintura Brasileira»
....



Texto do livro de Laudelino Freire
"1816-1916 - Um Século de Pintura"
....


Notável artista holandês que viveu no Rio de Janeiro de 1845 a 1855.

Tinha como especialidade a pintura do retrato. O de Porto-Alegre, por ele tirado em 1845, é uma obra prima no gênero.

A exposição geral de 1849 distinguiu-se com as suas excelentes produções, merecendo ser agraciado pelo Imperador com a nomeação de cavalheiro da Ordem da Rosa. Tem o seu nome no dicionário de Bryan.


Fonte : Pitoresco
 
25/02/2007

  LOGIN DE ASSINANTES - Guia de Preços
Clique Aqui
 
  LOGIN DE ANUNCIANTES - Ofertas Especiais
Clique Aqui
 
        Copyright © 2007 Catálogo das Artes