Logotipo
Atualizado : 07/12/2016 às 17:51:17
Usuários On-Line :  0190
Catálogo das Artes - Menu de navegação
      Detalhamento da Biografia do Artista
<< Voltar
 NOTA : Clique na(s) imagem(ns) para vê-la(s) ampliada(s).

Artista : Danúbio Gonçalves
Algumas Obras do artista...

                       
 
   
 
 
 
veja mais...
LINKS COM REFERÊNCIA AO ARTISTA
BIOGRAFIA
 
Porto Alegre - RS - Brasil



Biografia:
Danúbio Gonçalves é de Bagé, cidade da campanha do Rio Grande do Sul, nascido no trigésimo dia de janeiro de 1925. Com apenas dez anos de idade, vai para o Rio de Janeiro e ali permanece durante 14 anos. Já em 39, a convite dos editores, faz caricaturas e ilustrações para "Cena Muda" e "Mirin", revista carioca de circulação nacional.
Estuda com Cândido Portinari (1943) e na Fundação Getúlio Vargas, faz cursos de gravura em metal com Carlos Oswald e xilogravura com Axl Leskoschek, importantes gravadores residentes no Rio de Janeiro.
Desenhou modelo vivo também com um grupo de artistas, entre os quais Iberê Camargo e Athos Balcão, sob orientação de Cândido Portinari, no atelier deste no bairro Cosme Velho. A essa altura, Portinari já era aclamado como o artista plástico mais importante do Brasil, com exposições do exterior e pintura mural no EUA.
Freqüenta também o atelier do paisagista e pintor Roberto Burle Marx e do escultor August Zamoyski, em 1945, onde desenha modelo vivo. Estuda também, neste período, na Sociedade Brasileira de Belas Artes.
No mesmo ano retorna a Bagé, onde conhece Glauco Rodrigues e Enio Bianchetti, jovens artistas na época, fundando o "Grupo de Bagé".
Em1950 viaja a Paris onde faz contato com Carlos Scliar e Iberê Camargo e reeencontra-se com Portinari; freqüentam museus e realiza estudos na "Academie Julian".
Retorna ao Brasil em 1951. Em Porto Alegre, participa do Clube Amigos da Gravura, fundado por Scliar e Vasco Prado, o corolário do Grupo de Bagé, cuja produção caracteriza-se, sobremaneira, pela presença de particularidades formais direcionadas a aprender uma realidade própria: o realismo regionalista.
Até 1969, quando inicia sua carreira acadêmica, Danúbio dedica-se ao mosaico, assinando obras em painéis na Igreja de São Roque - em Bento Gonçalves, na serra gaúcha -, no Santuário do Sagrado Coração de Jesus, junto ao túmulo do padre Reus - em São Leopoldo, na região metropolitana - e na igreja de São Sebastião, em Porto Alegre.
Entre 1969 e 71, foi professor de gravura do Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio de Grande do Sul. A partir de 63, orienta alunos do curso de litografias do Atelier Livre da Prefeitura de Porto Alegre, instituição que dirigiu desde então até no a 1978.
Entre 70 e 78, faz várias palestras e cursos de xilogravura, litografia, desenho e pintura no Paraná, em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul.
Em 1992 recebe o Título Honoríficos de Cidadão Emérito de Porto Alegre, concedido pela Câmara Municipal de Vereadores. No mesmo ano, ilustra "Perótica", portfólio com poesias de Luís Coronel (Pallotti, Porto Alegre/RS); em 1995, publica "do Conteúdo à Pós-Vanguarda", editado pela Secretaria Municipal de Cultura de Porto Alegre, e em 1996, a obra "Processos Básicos da Pintura" (Age, Porto Alegre RS).
A importância da obra de Danúbio Gonçalves vem sendo destacada em recente eventos, tal como o "Caixa Resgatando a Memória" (1996 e 97). Seu currículo inclui cerca de 50 exposições individuais, uma centena de coletivas e mais de uma dezena de premiações, além de importantes participações em salões e bienais nacionais e internacionais.
Sua obra está presente em inúmeras coleções particulares e em acervos referenciais como o Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli, Porto Alegre/ RS; Pinacoteca Pública Aplub, Porto Alegre, RS; Museu Nacional de Belas artes, RJ; Pinacoteca Municipal de São Paulo, SP; Museu de Arte Contemporânea de São Paulo, SP, e no Museu de Arte Moderna de São Paulo, SP, entre outros.

Exposições individuais
1944 - Instituto de Belas Artes Bagé, RS.
1945 - Instituto Municipal de Música, Bagé, RS.
1955 - Círculo Bageense, Porto Alegre, RS.
1959 - Pavilhão da Avenida Borges de Medeiros, Porto Alegre, RS.
1963 - Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS.
1964 - Instituto Cultural Brasileiro Norte-Americano, Porto Alegre, R
 
20/02/2007

  LOGIN DE ASSINANTES - Guia de Preços
Clique Aqui
 
  LOGIN DE ANUNCIANTES - Ofertas Especiais
Clique Aqui
 
        Copyright © 2007 Catálogo das Artes